06/08/2012

Falaram, falaram e nada disseram

Falaram. Falaram durante horas, mas praticamente não se ouviram. Cada um apresentou os seus argumentos. Parecia um jogo: ataque e contra-ataque. Uma particularidade: enquanto no jogo o contra-ataque depende do ataque do adversário, nesta conversa a contra-argumentação não teve em conta a argumentação do outro! E assim, no final da conversa ninguém ficou convencido, ninguém ficou satisfeito. Falaram, falaram muito...mas no fim foi como se não tivessem falado...

Sem comentários:

Enviar um comentário